18 de março de 2017 • 12:26 am

Blog do Odilon » Brasil » Destaques

Marx Beltrão vira ‘puxador de votos’ para reeleição de Calheiros

O plano de reeleição do senador Renan Calheiros (PMDB) está a todo vapor. E o apoio do ministro do Turismo, Marx Beltrão, mantem uma aliança duradoura e costurada pela fidelidade dos Beltrão a Renan. Marx serve, neste momento, para jogar a rede na lagoa dos votos e arrastar mais apoios para ele e Renan. *** […]

Vereadores aliados de Rui fecham com ministro Marx Beltrao para o Senado - Foto Divulgacao

Ministro ao lado de vereadores: outro voto é para Renan Calheiros

O plano de reeleição do senador Renan Calheiros (PMDB) está a todo vapor. E o apoio do ministro do Turismo, Marx Beltrão, mantem uma aliança duradoura e costurada pela fidelidade dos Beltrão a Renan.

Marx serve, neste momento, para jogar a rede na lagoa dos votos e arrastar mais apoios para ele e Renan.

***

Para entender esta história, basta lembrar que nas próximas eleições estão abertas duas vagas ao Senado- a de Renan e Benedito de Lira (PP).

Biu deve disputar a Câmara Federal porque o filho- Arthur Lira (PP)- está inelegível na primeira de uma dezena de ações movidas pelo Ministério Público Estadual na Operação Taturana.

O eleitor vai lembrar: em 2018 vota DUAS vezes ao Senado. Ou seja: escolhe dois candidatos- se as regras não forem alteradas pelo Congresso Nacional.

Daí entra Marx Beltrão, que busca uma aliança siamesa, a mesma que elegeu Teotonio Vilela Filho e Renan no início deste século.

Porém, Téo e Renan andavam juntos pelos municípios, para o voto “casado”.

Marx seguiu o que indicam as pesquisas: faz diferente na hora de jogar seu arrastão. Porém, o objetivo é o mesmo…

***

Sede da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), 13 de março de 2017. Renan Calheiros é lançado ao Senado.

Dos 102 prefeitos chamados, 80 apareceram- porém, 63 assinaram uma “lista de presença” que circulava de mão em mão.

O prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB)- por óbvio- não apareceu. Mas, horas antes do lançamento, Marx Beltrão estava lá, em evento do Rui.

Por que?

A resposta está na foto acima, tirada nesta sexta-feira (17): 13 dos 21 vereadores garantiram que vão apoiar Marx ao Senado.

Ou seja: receberam aval de Rui.

E o outro voto ao Senado, vai para quem?

Renan Calheiros.

Entre os 16 vereadores estão: Galba Neto, que é do PMDB; Silvânia Barbosa (PRB), esposa de Marcos Barbosa (PRB), aliado do senador Renan.

Mais nomes de extrema confiança de Rui Palmeira, a começar por Eduardo Canuto, que é do PSDB- mesmo partido de Rui- aliado do prefeito na Câmara. E declarando seu voto a Marx (e também Renan Calheiros).

Dudu Ronalsa e Zé Márcio Filho também estão no ninho tucano. E declararam apoio a Marx. E, também, a Renan.

Kelman Vieira é presidente da Câmara, filiado ao PSDB. Também estava apoiando Marx. Kelman é casado com Flávia Cavalcante, filha de Cícero Cavalcante, aliado desde sempre de… Renan Calheiros, garantindo votos na região norte.

marx

Joaquim Beltrão, Marx e Renan: família Beltrão em peso apoia reeleição de Calheiros

***

E a estratégia de “independência” de Marx Beltrão? As mensagens cifradas nas redes sociais, sugerindo um confronto com Renan Calheiros?

Faz parte do show.

Pesquisa do Diário do Poder mostrou o que Renan já sabe: existe amplo desgaste político do nome dele na disputa ao Senado.

Renan só não será reeleito se o deputado federal Ronaldo Lessa (PDT) e Teotonio Vilela Filho (PSDB) se lançarem, juntos, ao Senado.

E isso não deve acontecer.

Marx Beltrão está com 16% nesta pesquisa. Ou em 6º lugar.

Sem Ronaldo e Téo Vilela ao Senado, as chances de Marx aumentam.

Por isso, o discurso de “oposição”: o “novo” no Senado (publicamente mostrando algumas críticas pouco nocivas ao senador) e, nos bastidores, a tarefa de pescador de votos a Renan.

Só que Marx terá de enfrentar, também, um nome bastante forte nas redes sociais. E conhecido nacionalmente.

É Othoniel Pinheiro, advogado, doutor em Direito Constitucional, filiado ao PSOL, chamada para palestras em torno do Escola Livre e da reforma política.

Conclusão? Marx não é oposição a Renan Calheiros, carrega votos ao senador pedindo, também, para si.

E terá pela frente um ótimo nome do PSOL, com chances de escrever em tempos de redes sociais.

Deixe o seu comentário


© 2012 - 2014 Repórter Alagoas. Todos os direitos reservados. E-mail: contato@reporteralagoas.com.br Jornalista responsável: Odilon Rios - MTB 840 / AL