O que é o Talibã?

Desde o dia 15 de agosto deste ano o mundo assiste em choque a volta do grupo terrorista Talibã no comando do Afeganistão.

 

Em outra oportunidade, o Talibã já havia tomado o poder no Afeganistão, no período entre 1996 a 2001, com enorme violência e incontáveis violações aos Direitos Humanos. Você deve estar se perguntando:  o que de fato é o Talibã?

 

O Talibã é uma organização fundamentalista sunita  que surgiu no Afeganistão, em 1994,   formada por ex-guerrilheiros  que participaram da Guerra do Afeganistão de 1979. Antes de sua formação, ainda na época da Guerra Civil, esse grupo era conhecido como mujahidin,  e se tratava de um grupo de rebeldes fundamentalistas, que uniram forças com os Estados Unidos em confronto contra o exército soviético no Afeganistão.

 

Quando o grupo ascendeu ao poder em 1996, após capturar o território de Cabul, o grupo obteve o apoio da população,  devido ao grupo ter conseguido diminuir a corrupção e a criminalidade. Além de estimular as atividades de comércio. No entanto, nos cinco anos seguintes o Talibã  começou a impor com violência a lei islâmica, quem não seguisse a lei poderia sofrer com punições como execuções públicas e açoitamentos.

 

Com os talibãs no poder as pessoas começaram a perder uma série de direitos, as mulheres, no entanto, foram as mais afetadas, uma vez que não podiam trabalhar nem estudar e tinham de ficar confinadas em casa. Quando eram autorizadas a sair, as mulheres deveriam fazer uso da burca, uma roupa preta que cobria todo o corpo deixando apenas os olhos de fora.

 

Os homens, por sua vez, eram obrigados a usar barba. Além disso, filmes e livros, artefatos culturais e religiosos que não eram ligados às leis do islã,  foram destruídos.

 

O fim do governo do Talibã aconteceu  dias depois aos ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. O grupo foi  expulso da capital Cabul pelos Estados Unidos, como uma respostas aos ataques de 11 de setembro, pois os americanos, acreditam que o Talibã  não só financiava o grupo terrorista, a Al-Qaeda,  como também abrigava os membros do grupo após os ataques, dentre eles Osama bin Laden, um dos líderes do grupo e coordenador dos ataques.

 

Os ataques ocorridos em 11 de setembro de 2001, foram considerados o maior ataque terrorista da história ocidental, onde a Al-Qaeda sequestrou e jogou aviões comerciais contra as torres gêmeas do World Trade Center, em Nova York. Este ataque matou milhares de pessoas.

 

A partir desse fato, o conflito entre o grupo talibã e os Estados Unidos se estendeu por anos  e a retomada do talibã ao poder só aconteceu depois que o governo americano decidiu retirar as suas tropas  militares do país no início deste ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.